GEÓLOGOS CHINESES CONTINUAM PROSPECTANDO ''GRAFENO'' NA REGIÃO E PODE TER MUITO MAIS

Data 12/12/2017

Geólogos chineses continuam prospectando “grafeno” na região e pode ter muito mais

Quando a editoria do rota51.com, diz que é o único site que sai às ruas da cidade para captar notícias ou pelo menos saber, o que está acontecendo de bom na região, muita gente duvida, ri e até desconfia, lembra que o rota51.com anunciou que Eunápolis estava na rota de ser o maior produtor de “Grafeno” do mundo? Pois é, a coisa está mais avançada do que se imagina, os chineses estão aí e, só o rota51.com está em busca da verdade.

Na sessão da Câmara de Vereadores do dia 08 de outubro de 2015, o vereador Jota Batista, falou em primeira mão sobre o assunto e que foi corroborado pelo Secretário de Desenvolvimento econômico Roberto Martins, à época, a reportagem do rota51.com solicitou as fotos, mas as mesmas não foram liberadas para a nossa reportagem e a reportagem do rota51.com buscou outras fontes e estas, tem mantido sempre que possível as informações.

De acordo com as novas informações, os chineses que já estão em Eunápolis há muito tempo, e que já montaram um laboratório sofisticado no bairro Juca Rosa, já encontraram algumas jazidas e estão fazendo perfurações com sondas de longas distancias solo a dentro, na busca do tão sonhado grafeno, que é uma substancia retirada do grafite existente em abundância na região e, este grafeno, é a matéria prima utilizada na fabricação do aço carbono que será utilizado em larga escala pela NASA, em uma edificação que cujas estruturas são de aço carbono.

Porém as informações obtidas pela reportagem do rota51.com, não é só o grafeno não, na realidade o grafeno é só a primeira camada e em larga escala, podendo ser a maior jazida do mundo do famoso metal, depois do grafeno ainda tem outra camada de bauxita e por fim, um dos minerais mais preciosos do mundo e que por ele, muitas pessoas já foram mortas, depois da bauxita, tem o tão famigerado “Diamante”.

As informações também dão conta de que, as regiões da Colônia e Ponto Maneca e até a região de Guaratinga, as minas já foram detectadas, porém como o sub solo já foi registrado, a medida que as jazidas são encontradas, o sub solo já vai sendo registrado, os donos, das terras, nada poderão fazer, principalmente fazer a extração do metal, mas poderão ganhar os “royalties” da prospecção, o que os donos das terras ainda não registradas, poderão fazer é buscar um geólogo e fazer seu próprio registro. As informações dão conta de que a Colônia, Ponto Maneca vão ser reviradas de cabeça pra baixo e pernas pra cima, transtorno vai ser geral, ou seja, um Deus nos acuda.

A CBG Companhia baiana de Grafite, tem todas as informações, mas ninguém fala nada, mas serão dois complexos industriais, um será o extrativista e o outro o beneficiamento, outra empresa também que está por dento do assunto é a CBPM Companhia Baiana de Pesquisa Mineral, mas o silencio deve ser, devido ao medo da concorrência, mas o assunto embora tenha sido divulgado apenas pelo rota51.com, que tem a exclusividade da matéria até agora, também já tomou conhecimento, de que os registros feitos até agora, podem ter como dono Lulinha, o filho do Lula, noticia não confirmada, pois segundo informações dadas á reportagem do rota51.com a tempos atrás, Lulinha esteve hospedado em um hotel da cidade e veio para tratar de assuntos do seu interesse, a reportagem pensou que ele, teria vindo tentar adquirir o frigorífico que à época atravessava problemas jurídicos, mas realidade, desde 2015 ou até mesmo antes, ele já estava sabendo e teve tempo de, segundo informações não oficiais, fazer os devidos registros. Com relação à propriedade de Lulinha nas terras já identificadas como tendo o grafeno, nada é confirmado, são apenas informações, o que pode ser mentira, mas como o interlocutor da reportagem não confirmou mas também não negou, só o futuro poderá dizer.

No próximo dia 28/04, haverá na cidade em local ainda a ser confirmado, um seminário denominado “Negócios com a China” e neste evento, alguns chineses poderão estar presentes, pois como a CBG vai patrocinar o evento, eles terão de aparecer e, quando o local, data e hora forem divulgados, o rota51.com, será o 1º a divulgar.

De acordo com as informações, o tal Grafeno só existe em Moçambique e Ceilão, mas na china as minas do mineral são muito pobres, e que o mineral de 1ª qualidade está mesmo nesta região do extremo sul da Bahia.

Recentemente quem esteve na cidade, no dia 31/03 uma 5ª feira, foi o Presidente do Desembahia Otto Alencar Filho, ele visitou a Naturaves, uma plantação de café, esteve o IASC tratando de assuntos sobre a faculdade de engenharia e medicina, e o Hospital Ames, mas não falou com a imprensa, pois ou teria de omitir a situação ou então confirmar tudo que o rota51.com divulgou até o momento. Mas em sua visita, fez uma palestra com a CBG/AS sobre o assunto.

O link abaixo, é da matéria, da Câmara Municipal, no dia em que Jota Batista e Roberto Martins falaram sobre a mina e as jazidas do grafeno, e agora supostamente bauxita e diamantes, e os moradores da Colônia, Ponto Maneca e Guaratinga, que ainda não foram prospectados e que quiserem garantir um acordo justo e honesto, por que quem em de fora, vem afim de “sacanear” o brasileiro e com a ajuda de algumas autoridades, deverão desde já, tentarem um mandado de segurança afim de que suas terras não sejam invadidas aleatoriamente, mas sim somente com a autorização do dono, para evitarem ter o subsolo de suas terras registradas e verem depois suas terras serem reviradas a troco de nada e, podem ter certeza, de que nessa empreitada poderão acontecer algumas mortes, por conta da usura de uns, em cima da inocência de muitos, por que se quisessem fazer uma coisa honesta, a cidade toda já sabia, já teria sido feita uma audiência pública com a presença de autoridades do Ministério Público, do judiciário, autoridade ambientais a menos que Mauro saiba da situação e esteja jogando contra seu próprio quartel, aí só DEUS  segura.

Fonte: MINING.com

 

 

Compartilhar: